Possíveis exercícios para prevenir ou curar a impotência

Possíveis exercícios para prevenir ou curar a impotência

Há exercícios que um homem pode fazer para reduzir os efeitos da impotência.

A melhor maneira de tratar a disfunção erétil sem medicação é fortalecer os músculos do assoalho pélvico com exercícios de Kegel. Estes são frequentemente associados a mulheres que procuram fortalecer a área pélvica durante a gravidez, mas podem ser eficazes para os homens que buscam recuperar a plena função do pênis.

Primeiro, encontre os músculos do assoalho pélvico. Você pode fazer isso parando duas ou três vezes na próxima vez que você urinar. Os músculos que você pode sentir trabalhando durante este processo são os músculos do assoalho pélvico, e eles serão fundamentais para os exercícios de Kegel.

Um exercício de Kegel envolve apertar e segurar esses músculos por 5 segundos, depois soltá-los. Tente fazer entre 10 e 20 repetições por dia. Isso pode não ser possível quando você começar a fazer os exercícios pela primeira vez. No entanto, eles devem se tornar mais fáceis ao longo do tempo.

Você deve ser capaz de notar uma melhoria após 6 semanas.

Certifique-se de respirar naturalmente durante todo este processo e evite empurrar para baixo como se fosse forçado a urinar. Em vez disso, junte os músculos em um movimento de compressão.

O exercício aeróbico, como correr ou mesmo caminhar rápido, também pode ajudar o sangue a circular melhor e pode melhorar a impotência em homens com problemas de circulação sanguínea.

DUROMAX , O MELHOR TRATAMENTO CONTRA A IMPOTÊNCIA!

# 5 – Diagnóstico médico de disfunção erétil em homens

As muitas causas potenciais de impotência significam que um médico geralmente fará muitas perguntas e providenciará exames de sangue. Esses testes podem detectar especialmente problemas cardíacos, diabetes e baixa testosterona. O médico também fará um exame físico, incluindo genitais.

Antes de considerar um diagnóstico que requeira tratamento, o médico procurará sintomas que persistam por pelo menos 3 meses.

Uma vez que a história médica tenha sido estabelecida, um médico realizará mais pesquisas. Um teste simples, conhecido como “teste do selo postal”, pode ser útil para determinar se a causa é física, e não psicológica.

Os homens geralmente têm 3 a 5 ereções por noite. Este teste verifica a presença de ereções noturnas, verificando se os selos colocados ao redor do pênis antes da hora de dormir irromperam durante a noite. Outros testes de ereção noturna incluem o teste Poten e o teste Snap-Gauge.

Esses métodos fornecem pouca informação, mas podem ajudar a orientar o médico na escolha de testes adicionais.